Apostas Mescla 2023 — parte 1

Mescla
6 min readJan 28, 2023

Todos os anos, os pesquisadores da Mescla selecionam alguns mercados para fazer as apostas dos movimentos que devem crescer ao longo do ano. Este ano, os segmentos escolhidos foram: tecnologia, estilo de vida, branding e marketing, saúde e bem-estar, hospitalidade e turismo e moda e beleza. São sempre três tendências em cada segmento e pelo menos uma inovação que demonstra a aplicação desta tendência. Vamos a primeira parte das apostas Mescla 2023.

Tecnologia

A primeira aposta para este ano são as inteligências artificiais sendo utilizadas como melhores amigas dos homens, ou seja a AI BFF. Tecnicamente o nome é Inteligência Artificial Generativa, que permite aos computadores criar conteúdo original de forma rápida e convincente, desde imagens e obras de arte até poesia, música, texto, vídeo, diálogo e até mesmo código de computador. Um exemplo desta tecnologia que está caindo no gosto das pessoas é o ChatGPT, uma aplicação da OpenAI que usa a inteligência artificial para criar poemas, textos e até histórias. Ela interage de forma conversacional e consegue responder a perguntas e rejeitar solicitações inadequadas, por exemplo.

Comercial da Lexus de 2018 escrito por inteligência artificial

Veja também:Inteligência Artificial na produção criativa

A segunda aposta dentro da área de tecnologia é o que chamamos de Inteligência Artificial Intuitiva, que é aquela que pode prever as necessidades do consumidor em casa, no carro, até mesmo enquanto dorme. Durante 2023 a gente deve ver inovações que monitoram e facilitam nossa rotina diária. Um exemplo da tecnologia intuitiva aplicada é o Motion Pillow, da Nose Metal, que é um travesseiro que detecta sons de ronco, posição da cabeça e se reajusta usando airbags infláveis ​​para abrir as vias aéreas, reduzir o ronco e melhorar o sono do usuário. Mas tem essa tecnologia aplicada para luzes de ambientes, que podem ligar e desligar de acordo com as necessidades do consumidor e até para a TV da casa, que pode mudar de programação, ligar ou desligar.

Travesseiro inteligente Motion Pillow

Veja também: As inteligências artificiais que estão moldando o futuro

A terceira aposta é o já falado Metaverso, que está avançando em diversos setores, especialmente utilizando as plataformas de games, e criando experiências imersivas de marcas, testes virtuais de produtos e agregando ações que se refletem na vida física das pessoas, especialmente entre os mais jovens. É o caso do “Enemverso”, uma experiência criada pela Estácio dentro do jogo Fortnite, onde estudantes podem jogar e se divertir enquanto estudam para o Enem, ou a Footvallverse criada pela Nike. A geração Z também é o foco de O Boticário ao lançar fragrâncias de alguns dos seus perfumes também no Fortnite.

Enemverso da Estácio

Veja também: Metaverso, oportunidade de inovação para diversas indústrias

Estilo de vida

As três tendências aqui estão de alguma forma interligadas e nascem de um contexto similar, que são as ondas de crises, uma após a outra. As chamadas policrises (econômicas, políticas, sociais, ambientais, nos relacionamentos) vieram para mudar o dia-a-dia das pessoas. A resposta delas à crise é sempre (eventualmente) para se adaptar, mas cada pessoa se adapta de uma jeito diferente. Umas podem buscar uma redução, simplificação, seja do consumo, do conteúdo ou das interações ainda a busca do escapismo, como sair da realidade que eu não quero. Então, a forma como as pessoas compram, interagem, veem as marcas e seus empregadores também se adaptam — para que as empresas precisem estar prontas.

Veja também: O escapismo e a necessidade de desconectar

A primeira aposta é Gastos Intencionais, fatores como flexibilidade, durabilidade e sustentabilidade desempenharão papéis cada vez mais importantes na equação de valor dos consumidores. Inclusive, marcas estão passando por um “grande cancelamento”, as pessoas estão cancelando, planos de saúde, assinatura de mídia, priorizando o que vão comprar.

A rede de supermercados australiana Coles introduziu um “Big Pack” superdimensionado. Faixa de valor de 44 alimentos populares e lanches a preços com desconto para os consumidores enfrentando um aumento no custo de vida. A varejista multinacional francesa, Carrefour congelou os preços dos 100 produtos de marca própria em suas lojas francesas por 100 dias para amenizar o impacto da inflação sobre os consumidores. Para marcas e negócios é pensar como posso dar condições e acesso a compra para meus consumidores?

Itens do “big pack” do supermercado australiano Coles

A segunda aposta de estilo de vida é Hiper Fadiga, essas policrises estão causando cansaço e uma sensação de estar sobrecarregado. E a partir disso, os consumidores vão tentar cortar pelo barulho e conecte-se com o que importa para eles. Uma necessidade profunda de desacelerar para avaliar suas vidas. As Pessoas estão buscando experiências física, mais tátil. Um café no Nagoya no Japão oferece um serviço privado espaço para os consumidores meditarem enquanto desfruta de chás e doces em um ambiente silencioso e escuro.

Veja também: Varejo e serviço inovam com a implantação dos terceiros espaços

A terceira aposta é Psicodelia. Muitas pessoas com problemas crônicos, que desejam tratar a depressão ou ainda trabalhar a criatividade estão buscando alternativas não tradicionais. Pessoas em diferentes épocas, países e culturas consumiram ervas, cogumelos, plantas e raízes psicoativas — como remédio, por motivos espirituais ou por prazer. Uma que tem ganhado espaço é a psilocibina, a partir de cogumelos, em micro dosagens. A substância pode ser adquirida em diversos sites como Natureza Sana, Cubensis, A busca pela alternativa já soma cerca de 23% de pessoas que consomem psicoativos na forma de microdose no Brasil, segundo dados de 2020 da Global Drugs Survey. A start-up de biotecnologia americana Lusaris Therapeutics está desenvolvendo uma droga psicodélica chamada 5-MeO-DMT que combate a depressão resistente ao tratamento (TRD). O 5-MeO-DMT é retirado do veneno do sapo do rio Colorado e desencadeia fortes experiências psicodélicas.

Cogumelos mágicos da Natureza Sana

Branding e marketing

A primeira aposta é chamada de Mídia Responsável, ou seja, as oportunidades que surgiram dentro da necessidade de combater o discurso de ódio, o cyberbullying e a desinformação. Esta tendência se apresenta urgente já que recentemente vimos como as pessoas podem se transformar ao serem estimuladas com doses diárias de medo, raiva e mentira. A gente já falou trouxe a Alfabetização Jornalística, que é uma das inovações dentro dessa tendência. Mas dá para citar também o Sleep Giants, iniciativa que acontece em diferentes países e que aqui no Brasil já conseguiu desmonetizar 62 milhões de reais de canais e pessoas que desinformação e ódio na web.

Veja também: Deepfake: o avanço da técnica que cria vídeos e áudios que nunca existiram

A segunda aposta de branding e marketing chama-se Conteúdo Positivo, ou seja, uma espécie de “desintoxicação digital” para mitigar o impacto dos ciclos de notícias negativas em nosso bem-estar. A gente sabe que manchetes negativas dão clique e audiência, mas algumas inovações apostam exatamente no oposto, é o caso do aplicativo Good News. Com o slogan “Sua Dose Diária de Otimismo”, o app se propõe a combater o atual desequilíbrio no consumo de notícias, trazendo à tona notícias positivas, com uma curadoria de histórias esperançosas, inspiradoras e motivadoras. Aqui no Brasil, o Instagram do Razões Para Acreditar atende este movimento que deve ganhar mais e mais adeptos em 2023.

Veja também: Qual é o valor nutritivo do conteúdo digital?

A última aposta em branding e marketing também está ligada a tecnologia e chama-se AR social media, ou seja, a utilização da realidade aumentada para que marcas possam se conectar cada vez mais com os consumidores. E essa conexão vai além dos filtros do Instagram e Snapchat, tem uma startup sul-coreana, a Arbeon, que está lançando uma aplicação que fornece uma experiência digital em cima dos objetos que existem no espaço real. Os usuários podem digitalizar um objeto para saber preços, composição física e informações de compra e podem visualizar tags e conversas do produto nas mídias sociais por outros usuários. Dá para imaginar o tamanho dessa interação?

Vídeo de apresentação AR social media

Veja também: Varejo híbrido impulsionam vendas no mundo on e offline

A parte dois das apostas Mescla 2023 serão para saúde e bem-estar. Fique Ligado!

Fale com a Mescla

Para saber como a Mescla pode te ajudar, entre em contato através do nosso Whatsapp clicando aqui. E se quiser receber a nossa mistura mensal de tendências e inovação, é só assinar a news.

--

--

Mescla

Conectamos mudanças de comportamento com ideias personalizadas para o seu negócio. 👑 + de 200 projetos executados 🚀 clientes em todo o BR